Anvisa adia aprovação de autoteste de Covid-19

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu adiar a liberação do autoteste de covid-19 no Brasil, solicitado pelo Ministério da Saúde. Por maioria, a agência estabeleceu prazo de 15 dias para o governo apresentar informações adicionais sobre o uso de testes. 

No documento enviado à Anvisa, o Ministério informou que a autotestagem é uma estratégia adicional para prevenir e interromper a transmissão do coronavírus, ao lado do isolamento social e do uso de máscara. 

De acordo com a pasta, os autotestes podem ser realizados em casa ou em qualquer lugar, são fáceis de usar e produzem resultados rápidos. Mas, de acordo com o órgão regulador, a elaboração de uma política pública sobre a autotestagem é fundamental para que a Anvisa faça a regulação do tema. Para isso, o Ministério da Saúde precisa enviar mais informações para a Agência.

A Anvisa volta a se reunir nesta quinta-feira (20), a partir das 10h da manhã, para decidir sobre a liberação da vacina CoronaVac, do Instituto Butantan, para crianças a partir de 3 anos. 

Em alguns países que já usam o autoteste para covid-19, o material é vendido em farmácias. Em outros, é distribuído gratuitamente ou enviado para a casa das pessoas. O modelo que será usado no Brasil ainda não foi definido.

Fonte: https://gcmais.com.br/

Zeudir Queiroz