ACERT comemora 45 anos de atividades e dá posse à nova diretoria

Foto: Thiago Gadelha/Sistema Verdes Mares

A Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acert) comemorou, nesta quarta-feira (16), 45 anos de atividades no estado. Durante a celebração, a entidade realizou ainda a solenidade de posse dos novos membros do conselho Diretor, Fiscal e Superior para o biênio de 2022/2023.

O evento ocorreu no auditório da sede da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza. A associação cumpriu os protocolos sanitários com a utilização de máscara e exigência de comprovante de vacinação.

A radiodifusora Carmen Lúcia Dummar Azulai, que deixa o cargo de presidente da entidade avaliou a relevância da comunicação no período atual. “É um setor vital para a sociedade. Hoje, mais do que nunca, nós estamos testemunhando a importância da liberdade de expressão. Nesse momento onde estamos vendo a censura atuar, cada vez mais você entende o que é o valor do rádio, da televisão e da comunicação para que as pessoas evoluam para o caminho certo, para que façam suas escolhas baseadas em fatos”.

Quem assume a presidência da Acert é o advogado José Afro Lourenço, que atua na instituição há mais de 30 anos como assessor jurídico. Para ele, “é sobretudo um prazer estar assumindo a presidência e uma responsabilidade muito grande porque estou sucedendo pessoas que têm uma história junto à radiodifusão”.

Para o diretor superintendente do Sistema Verdes Mares, Ruy do Ceará, a data é importante porque “além de comemorarmos o legado dos 45 anos de contribuição da Acert, a gente também aproveita para dar posse à nova diretoria, renovando as energias, a forma e o pensar de conduzir o segmento da economia, tão importante quanto o segmento da comunicação”, afirma ele, que vai compor a vice-presidência da Acert, ao lado de João Dummar Neto e Cyro José Franklin Thomaz.

Também vão compor o conselho superior os conselheiros Edson Queiroz Neto, Jaime Machado da Ponte Filho, José Rêgo Filho, Galdêncio Gonçalves de Lucena e Etevaldo Nogueira Filho.

Fonte: https://g1.globo.com/

Zeudir Queiroz