Adolescente é salvo de execução após ser raptado por grupo enquanto jogava bola em Caucaia

PMs salvam adolescente de execução no Bairro Vicente Arruda, em Caucaia. — Foto: Rafaela Duarte/ SVM

A Polícia Militar conseguiu evitar a execução de um adolescente raptado por um grupo enquanto jogava bola em uma quadra no Bairro Vicente Arruda, em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, na noite desta quarta-feira (8). Cinco suspeitos foram capturados.

Conforme os policiais que atenderam a ocorrência, a vítima, que não teve a idade informada, mora no Conjunto São Miguel, mas estava no bairro vizinho jogando futebol com amigos.

Durante a partida, o jovem foi abordado por cerca de oito pessoas, que fizeram várias perguntas sobre ele. Os suspeitos, que estavam em bicicletas, raptaram a vítima da quadra e levaram ele ao local da execução, em uma região de matagal.

Resgate

Segundo o tenente Kliveland, do 12° Batalhão de Caucaia, testemunhas viram a cena e acionaram a polícia via a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

“Populares viram o momento que esse adolescente foi arrebatado, enquanto estava jogando bola e de pronto ligaram para a polícia, via 190. A organização criminosa arrebatou esse adolescente e ia executar”, afirma o tenente.

Kliveland relata ainda que a vítima foi localizada momentos antes de ser morta e cinco suspeitos foram capturados.

“As composições da área começaram a fazer as buscas quando localizaram. Quando a viatura chegou cerca de oito indivíduos correram para os matos, a equipe fez as buscas e capturou três menores e dois maiores. A vítima não tem envolvimento com o mundo do crime”, disse o policial.

O jovem foi socorrido ao Hospital Municipal de Caucaia Abelardo Gadelha Rocha, com um tiro no braço. Ele reconheceu os suspeitos.

Três adolescentes e dois jovens, de 18 e 19 anos, foram encaminhados a Delegacia Metropolitana de Caucaia, onde o caso foi registrado. A suspeita da polícia é que o jovem seria morto por morar em um bairro em que atua uma facção criminosa rival ao do local que ele estava jogando.

Fonte: https://g1.globo.com/

 

Zeudir Queiroz