Três cidades do Ceará lideram ranking de educação no País

Imagem de divulgação da Web
Imagem de divulgação da Web

Sobral, Groaíras e Porteira, no interior do Ceará, são as três cidades brasileiras commelhores oportunidades de educação, é o que mostra o ranking do Ioeb (Índice de Oportunidade da Educação Brasileira).

Coincidência ou não, o Ceará também é onde está mais presente o projeto Círculos de Leitura, que organiza e dissemina grupos semanais de discussão de livros em escolas públicas, e é tido por educadores como uma das razões para a boa classificação do Estado em rankings de educação. São 7.000 estudantes no Estado engajados no projeto, divididos por 52 escolas em 31 municípios, de acordo com o Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial, que toca o programa.

“Trabalhamos com leitura, tendo como objetivo não apenas desenvolvimento das habilidades de leitura e escrita, mas o desenvolvimento do protagonismo estudantil“, explica a coordenadora pedagógica do projeto, Maria Aparecida Lamas.

“Formamos multiplicadores, jovens que identificamos que tenham o perfil ­gosto pela leitura, habilidade de trabalhar em grupo, que seja um bom mediador de entendimento. E esses jovens realizam grupos de leitura semanalmente”, completa.

Além de autores contemporâneos, como Rubem Alves, Mia Couto e Lygia Fagundes Telles, os estudantes leem obras clássicas, como ‘Dom Casmurro’, de Machado de Assis, e ‘Hamlet’, de Shakespeare. Segundo Lamas, essas obras conseguem dialogar bem com os alunos. “Há um mito na educação de que não se pode trabalhar com o clássico. Tudo depende da forma como você apresenta isso aos jovens. Debatemos os temas desses livros, que dizem respeito às principais inquietações do ser humano e por isso são universais”.

De acordo com Lamas, A principal dificuldade para a expansão do projeto é a qualidade do transporte no interior do país. “A 30 km de Sobral, está uma cidade chamada Alcântaras. Apesar da proximidade, é bastante isolada porque praticamente não há linha de ônibus que a sirva. Então é difícil levar o Círculos para lá”.

Além do Ceará, o Círculos de Leitura está presente em escolas de São Paulo e na Bahia, e assessora projetos semelhantes em Pernambuco e em Minas Gerais.

Fonte: Diário do Nordeste

Zeudir Queiroz