Sob novo comando, Pros recua e anuncia apoio a Capitão Wagner ao Palácio da Abolição

O Partido Republicano da Ordem Social (Pros) está de volta ao arco de aliança de apoio à candidatura de Capitão Wagner (União Brasil) ao Governo do Ceará

Foto: Divulgação/Câmara dos Deputados

O Partido Republicano da Ordem Social (Pros) está de volta ao arco de aliança de apoio à candidatura de Capitão Wagner (União Brasil) ao Governo do Ceará. A reviravolta acontece após decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que determinou o comando da sigla nacional a Marcus Pestana, afastando assim, Eurípedes Chaves.

Pros apoia Capitão Wagner

Com a decisão, a presidência do partido no Ceará volta para Adilson Pinho e, consequentemente, o apoio da legenda para o pré-candidato ao Governo do Estado pelo União Brasil Ceará, Capitão Wagner.

“Reafirmo nosso compromisso com um projeto de renovação, de crescimento e melhoria da qualidade de vida do nosso povo, e nesse propósito, estamos totalmente juntos ao futuro governador do Estado do Ceará, Capitão Wagner”, escreveu Pinho, em nota dirigida à imprensa.

No início desta semana, uma ala do Pros anunciou a quebra da aliança com o candidato do União Brasil e declarou apoio a Elmano de Freitas (PT).

Real Time Big Data: Wagner tem 35%; Roberto Cláudio, 26%; Elmano Freitas, 21%

Pesquisa Real Time Big Data contratada pela Record TV para a eleição ao Governo do Ceará, divulgada nesta quinta-feira (4), mostra Capitão Wagner (União Brasil) com 35% das intenções de votos, seguido pelo ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), com 26%, e pelo deputado estadual Elmano Freitas (PT), com 21%. Brancos e nulos somam 9%. Não sabem ou não responderam, 9%.

O Real Time Big Data também testou outros dois contextos colocando os nomes dos candidatos. Em um dos cenários, ainda aparece Adelita Monteiro, do PSOL, que desistiu da candidatura para apoiar Elmano Freitas.

Quando a pesquisa associa o nome dos candidatos aos padrinhos políticos, Capitão Wagner, com o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL), também lidera com 34%. Em segundo lugar, aparece Elmano Freitas com o apoio de Lula, com 30% das intenções de voto. Roberto Cláudio, com o apoio de Ciro Gomes, fica com 25%. Brancos e nulos somam 6%. Não sabem ou não responderam, 5%.

No cenário espontâneo, em que os nomes dos candidatos não são mencionados, Capitão Wagner registra com 29% das intenções de votos, seguido por Roberto Cláudio com 11% e Elmano, 9%. Camilo Santana (PT), candidato ao Senado, também é citado pelos eleitores com 2%. A atual governadora, Izolda Cela (sem partido), é mencionada por 1% dos entrevistados. Brancos e nulos somam 4%. Não sabem ou não responderam, 42%.

Foram ouvidos 1.500 eleitores entre os dias 2 e 3 de agosto. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o código CE-06152/2022 . Segundo o instituto, o nível de confiança da pesquisa é de 95%. A margem de erro é de 3 pontos para mais ou para menos.

Fonte: https://gcmais.com.br/

 

Zeudir Queiroz