Três homens são encontrados com as mãos amarradas e com ferimentos a bala no 4º Anel Viário

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Neste domingo (22), três homens foram encontrados em uma das rotatórias da rodovia 4º Anel Viário, próximo a CEASA, em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza. Os homens estavam com as mãos amarradas com fios e marcas de perfurações de arma de fogo pelo corpo.

De acordo com A Polícia, um dos homens que ainda não foi identificado, morreu no local e outros dois foram socorridos para uma unidade hospitalar na capital cearense. Ainda segundo a Polícia, um dos socorridos de 23 anos tem passagens por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e por corrupção de menor; já o outro segue sem identificação.

Confira na ítegra a nota enviada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa que equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Delegacia Metropolitana de Maracanaú da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) foram acionadas para um caso de homicídio e dupla lesão corporal, registrado na manhã deste domingo (22), no município de Maracanaú – Área Integrada de Segurança 12 (AIS 12) do Estado.

De acordo com as primeiras informações policiais, três pessoas foram lesionadas por disparos de arma de fogo próximo ao quarto Anel Viário. Um homem, ainda não identificado formalmente, morreu no local, e dois outros homens foram socorridos e encaminhados para uma unidade hospitalar. Um deles de 23 anos tem passagens por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e por corrupção de menor;  já o outro ainda não foi identificado. Equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) e da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) também foram acionadas para a ocorrência.

As investigações estão a cargo do Núcleo de Homicídios e Proteção à Pessoa (NHPP) da Delegacia Metropolitana de Maracanaú. A ocorrência segue em andamento mais detalhes serão repassados em momento oportuno para não comprometer os trabalhos policiais.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais, por meio do telefone (85) 3101-2830, da Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

As denúncias também podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Fonte: https://gcmais.com.br/

Zeudir Queiroz