Fortaleza empata sem gols com Coritiba e conquista mais um ponto fora

Numa partida em que os dois times trocaram protagonismo, Fortaleza e Coritiba se enfrentaram no Couto Pereira, em Curitiba, na noite deste sábado, 10. Em jogo válido pela 15ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o Leão conseguiu controlar as ações ofensivas no primeiro tempo, mas o Coxa cresceu na etapa final e apareceu mais vezes com perigo nos últimos 45 minutos. Os dois times, porém, não balançaram as redes, empatando em 0 a 0.

Yuri César busca jogada ofensiva no duelo entre Fortaleza e Coritiba (Foto: Bruno Oliveira/FortalezaEC)

Com a igualdade no placar, o Tricolor do Pici sobe uma posição na tabela, chegando no oitavo lugar com agora 21 pontos conquistados. Pode voltar para a nona colocação caso o Sport vença na rodada. O Coritiba, por sua vez, fica na zona de rebaixamento em 18º com 13 pontos somados.

O Fortaleza volta a campo no próximo meio de semana, quando enfrenta o São Paulo na quarta-feira, 14, pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil na Arena Castelão. O Coxa, por outro lado, duela com o Palmeiras no mesmo dia, mas fora de casa e pela Série A do Brasileiro.

O JOGO

O Fortaleza começou o jogo tendo mais as rédeas da partida. O Leão chegou a ter quase 70% de posse de bola nos primeiros momentos. Chegou pela primeira vez aos 10 minutos, quando Osvaldo fez jogada pela esquerda, cruzou na área e Wellington Paulista desviou, mas para fora.

O Coritiba respondeu logo quatro minutos depois, chegando na primeira e única vez durante o primeiro tempo de jogo. Robson recebeu bola em lançamento de cara com Felipe Alves, mas fez a chutou para a defesa do goleiro tricolor. Antes de encerrar a etapa inicial, o Leão chegou mais três vezes.

A primeira com Juninho, em arremate numa cobrança de falta para defesa de Wilson. A segunda com WP9, quando recebeu cruzamento rasteiro de Osvaldo e desviou para o gol, acertando o travessão. E, finalmente, a terceira novamente com o centroavante tricolor que cabeceou próximo do gol de Wilson.

Já no segundo tempo, quem apareceu com perigo primeiro foi o Coritiba. Giovanni Augusto fez jogada pela direita, cruzou rasteiro na área e Robson chutou de frente para o gol, mas mandou para fora. O Coxa assustou outras duas vezes em sequência com Yan Sasse, mas em nenhuma o atacante aproveitou para balançar as redes.

Na etapa final, o Fortaleza teve problemas para manter a intensidade tida no primeiro tempo. Isso fez com que o Coritiba se aproximasse mais da área do Tricolor, obrigando o Felipe Alves sair principalmente em bolas aéreas. Contudo, o Coxa não conseguiu balançar as redes, mesma situação do Tricolor que não agrediu tanto os anfitriões nos momentos finais, embora tenha causado perigo quase no último minuto.

Fonte: O Povo Online

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.