Cuiabá e Ceará empatam sem gols pelo Brasileirão

 

Imagem de divulgação da Web

Cuiabá e Ceará empataram sem gols na noite deste sábado (18), na Arena Pantanal, pela 13ª rodada do Brasileirão. Um jogo marcado por muitas faltas, passes errados e chutes sem precisão. Essa foi a terceira partida seguida que o Ceará empata, também foi a terceira partida que o Cuiabá não vence.

O JOGO

O primeiro tempo na Arena começou com muita ação de ambos os times. O Ceará buscava mais o jogo, pressionava mais a defesa do Cuiabá. O Cuiabá puxava o time do Ceará para o campo de defesa, mesmo sem a posse de bola, para partir para o contra-ataque. A maior parte dos chutes passava por perto do gol, ainda mais o chute de Bruno Pacheco, que bateu na trave do goleiro João Ricardo. Foram nove chutes no primeiro tempo, somente um no gol que foi defendido por João Ricardo.

O começo da segunda etapa foi melhor que o primeiro tempo inteiro, os ataques foram mais efetivos. Lima, jogador do Ceará que entrou no segundo tempo, teve finalizações mais precisas, mas sempre explodia na defesa adversária. Por outro lado, a equipe do Cuiabá ficou menos ofensiva após as saídas de André Luis e Kelvin. O Vozão atacou mais que o Dourado na maior parte da partida, mas no final o Cuiabá tentou abrir o placar, mas sem sucesso. Foram 14 finalizações do Dourado contra oito do Ceará, no gol foi um chute para cada equipe.

DESTAQUES DA PARTIDA

Pelo Cuiabá, Kelvin foi bem no jogo. As jogas ofensivas passavam por ele, seja iniciando ou finalizando a jogada. É um jogador rápido e, tecnicamente, bom, e nessa partida ele demonstrou isso. Pelo Ceará, Fernando Sobral foi a mente da equipe, promovendo lançamentos, chutes de longa distância e foi o que mais criava oportunidades perigosas para o Vozão.

Fonte: https://esportenewsmundo.com.br/

Zeudir Queiroz